Pages Navigation Menu

"Estejam sempre preparados para responder a qualquer que lhes pedir a razão da esperança que há em vocês." 1 Pedro 3:15

3. ENCORAJAR uns aos outros

PASTORAIS DA PANDEMIA 2
RELACIONAMENTOS

3. ENCORAJAR uns aos outros

Estabelecer, aprofundar e manter bons relacionamentos é um tremendo desafio. Por isso, não custa recordar os ensinamentos bíblicos a respeito. Podem ser praticados até numa pandemia.03 Encorajar

Antes de tudo, precisamos aceitar no coração, na mente e no contexto em que vivemos aqueles que o Senhor põe em nosso caminho. Feito isto, precisamos ser bênção em sua vida. Deus prometeu a Abraão: “Eu o abençoarei […]”. E, então, ordenou-lhe: “Seja uma bênção!” (Gn 12.2-3).

De forma natural e expontânea “compartilhamos virtudes” (Pr. Paulo Jr.). Motivação, coragem e ânimo são disposições ou virtudes compartilháveis e muito necessárias. “O encorajamento é o oxigênio da alma!” (G. Adams). A vida é uma luta! Os desafios são enormes! Os obstáculos são frequentes! Pandemias acontecem! Cansamos, desanimamos e até desistimos, a menos que alguém nos encoraje: “Vamos, você consegue! Vou orar por você e, se necessário, eu ajudo!” Se nós precisamos disso, os outros também precisam.

Talvez o melhor texto bíblico a respeito seja este:

“Pensemos em como motivar uns aos outros na prática do amor e das boas obras. E não deixemos de nos reunir, como fazem alguns, mas encorajemo-nos mutuamente […]” (Hb 10.24-25).

O autor menciona uma área específica onde carecemos sempre de motivação: “Na prática do amor e das boas obras”. Mas isto inclui tudo o mais, você não acha?

Obviamente, podemos e devemos motivar e encorajar as pessoas individualmente. Mas o texto fala de encorajamento nas reuniões da igreja (sejam onde e como for). Boa razão para não nos ausentarmos. “Não deixemos de nos reunir, mas encorajemo-nos mutuamente […]”. Paulo e Barnabé leram a Palavra na Sinagoga de Antioquia. Quando terminaram, os chefes da Sinagoga lhes disseram: “Se vocês têm uma palavra de encorajamento para o povo, podem falar” (At 13.15).

Pregação + testemunhos + louvores podem ser muito encorajadores. Numa pandemia o jeito é usar as redes sociais, reuniões on-line e Lives. Coragem!

Éber Lens César
Igreja Sal da Terra Brasília

Leia as outras mensagens desta série:

1. Mais que AMIGOS

2. ACEITAR uns aos outros

3. ENCORAJAR uns aos outros

4. SUPORTAR uns aos outros

5. CONSOLAR  uns aos outros

6. ACONSELHAR uns aos outros

7. CONFESSAR uns aos outros

8. AMAR uns aos outros

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *